Translate

miércoles, 30 de julio de 2014

Desordem

Quem foi esse egoísta simpático que precisa de tudo mais fácil?
Admitir o submundo, tardia frustração, castigo quasse obrigatório;
E o que sabemos alem das ilusões e essas sombras de fome;
Neblina que persegue,silencio imaginário nessa desordem mental;
Tinha esquecido o quanto é repugnante esse jogo imaginário de 
seguir etiquetas, distintas máscaras usamos, como símbolos
das nossas próprias escolhas e frustrações.






Publicar un comentario