Translate

martes, 8 de julio de 2014

Sossego

Porque sigo neste caminho inútil?
Talvez me faltem argumentos,
É uma lágrima circular que demora,
Mais um dia chega
Buscarei nesses insonios de vinte dias
Aqueles sábados de sempre
Tentarei de alguma forma
Achar horóscopos e noticias,
Quantos minutos nesse silêncio de mármore
Quantas mensagens nas entrelinhas,
Desse rumor suburbano
Tentarei de alguma forma
Esse milagre entrecortado
Voltarei a mim algum dia
Vazio de palavras,
 Celebrando um melancólico sossego.


Publicar un comentario