Translate

miércoles, 30 de julio de 2014

Gramatica


A saudade rompe o ar,
Nesse compendio estéril de sofrer por ti;
O silencio e branco e negro e não consola;
Hoje, quasse descobri esse enigma que seduz;
Mais sempre e nunca te entendi;
Ontem e anteontem o improviso era um rio;
Enorme rio de sensações desconhecidas;
Brisa de temores e ousadia,
Sempre mergulhei na tua gramatica;
Nos teus pronomes relativos;
Nas tuas sintaxes e substantivos;
Agora eres tentativa perdida, apenas cativa;
Dentro de mim.
 






Publicar un comentario