Translate

sábado, 23 de agosto de 2014

Fe primordial




 Dios es peculiar, y parece que nos pone
mucha responsabilidad en ciertos asuntos;
La religión es como un instrumento que manipula.
Perdimos la fe primordial,
La vida eterna es algo muy nebuloso;
El hombre y sus objetivos inmediatos;
La vida y nuestra  perspectiva en el futuro;
¿Sera que dios nos espera en el juicio final?
Dios con sus propósitos de mantenernos al alcance
Dios que nos da la vida, y nosotros que
inventamos perspectivas;
Hay un momento secular, una filosofía estoica,
que nos acompaña hasta el fin,
Pero que jamás nos concretiza el futuro.



miércoles, 20 de agosto de 2014

Vitral


Dou volta, não tenho grandes raízes;
A noite me alimenta , vazia desde tua alma
Solitário e presso a estes sonhos com cor e formas
sempre tuas.
Uma cancão no entardecer;
Versos numa noite estrelada;
Também queria se pudesse guardar a tua alma
Entender astros e relógios,
Derrubar essa dor que oprime;
Foste um milagre ávido de braços;
Mar perdido, no qual fui naufrágio.
Dou volta, não tenho grandes raízes...



lunes, 18 de agosto de 2014

Infiel poesia



Pouco a pouco perdemos quem amamos para o mundo;
Mundo de infiel poesia,
E agora como defender-te?
Não se pode esquecer teus doces olhos tristes;
Nem como me deixavas desorientado, quando pensavas
em ter azas e voar.
Atravessei com um grito, ou a amarga nota de violin delirante
esse silencio que vinha quando o universo te chamava;
Cega espessura,plena solidão;
Longo frio,transparente rio, que me atravessa.
Em outras camas viajei ferido,
Em outras vidas estava morto;
Teu amor foi centrifugo,agitação perpetua;
E agora resta a vida que transcorre infinitamente;
Sobre esse segredo suave e profundo,
Sobrevivo,
Respiro,
Existo.



sábado, 16 de agosto de 2014

Promesa rosada (pra ti Lena)


Voy a despertar, tengo que salir
Hay amor debajo de las estrellas
Ahora sós mi pensamiento
Aquello que me faltaba,
Recuerdos para que,
Si ahora tengo esa promesa rosada.
Sin perfumes, sin cuerpo pero vas llegando
Te siento por eso te guardo una estrella
Y el mundo está aquí esperándote;
Repartiremos muchas cosas;
El secreto de tu piel
Tus labios que todavía no sentí
Y talvez las próximas trampas del destino
se quiebren inútiles cuando estés conmigo.
Te siento ahora, vas llegando…


miércoles, 13 de agosto de 2014

Minha luxúria favorita.


Preciso te amar sem trégua, sem distrações;
Pra não ter que te procurar em outros lugares
Minha luxúria favorita;
Tenho que aceitar teus segredos;
Mesmo matando alguns sonhos
Na verdade escondo minha máscara mais lasciva e mais triste,
para não perder-te
Temo ter que pensar em tuas dúvidas e túrbidas lamentações;
Quando na verdade te sinto ausente em mim
Preciso te amar sem trégua, para poder descifrar teu sinais quasse inexoráveis
do amor que possa existir dentro de ti.








lunes, 11 de agosto de 2014

Chama



Tenho uma secura metálica na garganta;
Existem coisas que não deixam que atravesse essa muralha lúgubre de silencio e assombro;
Canoa velozmente há deriva;
Metros que me deixam exaustivamente longe da tua beleza sombria;
Num instante essa mulher de beleza deslumbrante;
Num outro essa angustia entre o limite da dor e meus impulsos vitais;
Existe um sol fecundo e magnético que me envolve na tua luz, chama quasse mortal;
Que enche minha alma de perfume;
Noite de luz e cor;
Céu infinito entre meus braços;
Eterno te persigo, porque te ouso cantar ao vento;
Mais bastou ganhares azas, para fugires do meu peito.







Úrsula
A porta abria, exatamente igual até o infinito;
Infinito, com teus olhos taciturnos,numa galeria de espelhos
côncavos e paralelos.
Chuva minúscula que cobre os tetos, e essas pequenas flores amarelas;
E agora tuas palavras, que ainda me consomem,
recorrendo um caminho inverso, onde encontro a realidade.
Entrei no quarto, abandonado, a mesma cama de ferro forjado
e o quadro na parede do fundo, exatamente igual;
Tudo ficou ali,todo nosso universo Úrsula;
E agora como abandonar este insonio?
E esquecer nossas festas ruidosas de suor empapado;
Como entender os motivos superpostos para esse abandono;
Tua pele não me permitia falar,e as palavras eram invisíveis
quando vivia esses dias de incertezas, de consentimentos e sorte
por estar contigo,Úrsula...

miércoles, 6 de agosto de 2014

Sobriedad

De pronto ese equilibrio artificial, esa fiesta de paroxismo
Donde hay heridas de veinte días, donde esos consejos salomónicos
no funcionan.
Después ese masacre que nos tira a esa fosa en común,
Todo se sobrepone de inmediato,
Ese rechazo extraordinario de júbilo aniquilado;
Esas ganas de no esconderse atrás de reglamentos;
Ese empeño, que a veces ciega y fastidia.
De pronto hay distancia entre las cosas, o decimos siempre lo mismo;
Toda la virtud me lastima y me trae sobriedad…

lunes, 4 de agosto de 2014


                                                                A MATRIX.
Somos observados de longe ,ou nem tanto assim, por alguma coisa muito grande, vivemos num micro mundo dentro de um universo de coisas das quais mal suspeitamos.
Estamos sobre a égide de uma lei física estrategicamente indissolúvel, chamada "causa e efeito".
Não podemos pensar que o mal não é necessário, ele e tão necessário quanto o bem, para o equilíbrio das coisas neste mundo.
Então o dilema é o seguinte: Temos a possibilidade de entender as coisas ao ponto de quebrar as correntes que nos prendem a esta "MATRIX"??
Mais quem manipula as coisas ?? Porque certamente já possuímos a inteligencia necessária para percebermos que estamos dentro de algum esquema, o que não sei e se somos joguetes do mesmo;
Ou existe uma finalidade racional para tudo isso. 

domingo, 3 de agosto de 2014

Artigo SOBRE CONFLITO NO ORIENTE MEDIO

Alem de postar meus poemas decidi dar uma diversificada colocando alguns artigos meus de opinião sobre assunto atuais e diversos espero que gostem e comentem obrigado.
 ENQUANTO OS HAMAS ATIRAM VÁRIOS FOGUETES E MATAM UM ISRAELITA OS ISRAELITAS ATIRAM UM FOGUETE E MATAM TRINTA QUARENTA OU MAIS PALESTINOS NA MAIORIA INOCENTES BOM JÁ ME PARECE UMA BURRICE O POVO PALESTINO CONTINUAR APOIANDO OS HAMAS, PORQUE NÃO FAZEM O MESMO QUE OS ISRAELITAS FIZERAM, CONVERTERAM UM PEDAÇO DE AREIA NUM BOM LUGAR PRA VIVER ATRAVÉS DE MUITO TRABALHO JÁ QUE A VIOLÊNCIA NÃO E UMA SAÍDA INTELIGENTE SÓ ASSIM VÃO CONSEGUIR SE LIBERTAR TER SEU ESTADO PALESTINO.

Remoto

Há coisas definitivas, mais tem coisas que escuto e suspeito que ninguém falou;
E ridículo analisar minhas culpas,já não consigo.
Não entendo essas manias utópicas, e essas pouco estéticas formas de indiferença;
Há uma coisa misteriosa, como uma ideia que esta pra vir e nuca vem;
Sinto-me uma ilha sem perfumes nem modas onde não há respostas;
Somente tua ausência
E agora invento novas formas de enganar-me?