Translate

miércoles, 13 de agosto de 2014

Minha luxúria favorita.


Preciso te amar sem trégua, sem distrações;
Pra não ter que te procurar em outros lugares
Minha luxúria favorita;
Tenho que aceitar teus segredos;
Mesmo matando alguns sonhos
Na verdade escondo minha máscara mais lasciva e mais triste,
para não perder-te
Temo ter que pensar em tuas dúvidas e túrbidas lamentações;
Quando na verdade te sinto ausente em mim
Preciso te amar sem trégua, para poder descifrar teu sinais quasse inexoráveis
do amor que possa existir dentro de ti.








Publicar un comentario