Translate

jueves, 29 de mayo de 2014

Vento leve

Sonhei, com ela distante e minha
Acordei sem teu corpo e com espanto
Pedaço de sol que acordou minha tristeza
Sonho solitário que arrastra minha voz,
Perdi a substancia da tua natureza, aquela
exasperada, densa e que justificava sempre
um recomeço,
Beijos;
Palavras;
Estrela cintilante,quando dizias te amo,
Quero fazer contigo, aquilo, num frenesi,
veleiro num vento leve, num embalo eternamente
em fuga
Sonhei com ela distante e minha
E me tornei  outro, talvez apenas um impulso;
Certamente quando me cercam as lembranças
Algum milagre acontece
Consigo sair dessas ruínas,
Encontro algumas respostas,
e transformo o silencio...






Publicar un comentario