Translate

lunes, 9 de febrero de 2015

Madame Ferré

Há um mal gosto e um espelho no teto, madame Ferré;
Um pescoço escandecente, licores e cheiros;
Premonição de que fostes, e não voltaras a ser;
Há um por enquanto irremediável madame Ferré;
Vitrolas, vitrales, sombreiros, e aquilo tudo disposto a repetir-se;
Há circunstâncias obscuras e mal pensadas madame Ferré;
Embaixo da lua esquinas adentro crepitastes no vento;
Mármore e sonhos,
Sótãos e outonos,
E agora  na mesa estas solitária e tão órfã de sonhos
madame Ferré...
  
Publicar un comentario